Dom Casmurro e a felicidade

Às vezes me pergunto se estou sendo injusto com minha ex ao dizer que ela me traiu. Nunca tive certeza de nada apesar das evidências fortes; ou seja, ela acabou ficando com o benefício da dúvida. Porém há coisas que são óbvias demais: a relutância dela em falar sobre seu provável amante; as respostas evasivas quando eu fazia perguntas um pouco mais incisivas sobre os dois; o fato de ela ter aberto mão de tudo o que de certa forma nós compramos juntos (carro, apartamento e móveis), provavelmente pelo constrangimento por não ter sido honesta o bastante comigo.

Também percebi um entusiasmo fora do comum quando ela falava sobre ele. Uma vez estávamos indo de carro pro trabalho e ele passou por nós; ela ficou toda empolgada e me pediu pra tentar alcançá-lo para falar “oi”. Houve outros momentos assim mas não me lembro; de qualquer forma na época eu até pensei que algo pudesse estar acontecendo mas preferi não dar muita atenção — sempre achamos que estamos esquentando a cabeça à toa.

Num dos livros mais conhecidos da literatura brasileira, Dom Casmurro, há a pergunta que vem intrigando gerações de leitores: Capitu traiu Bentinho? Ele optou por confiar nos fatos, sendo o mais forte deles a semelhança do filho com Escobar. Pode ter sido apenas coincidência, porém ao ser somada a outras “coincidências” acaba ganhando força e fazendo com que Bentinho tenha certeza absoluta da traição. E se Capitu tivesse dito a verdade, qual seria o fim dela e de Bentinho?

• – • – •

Um tempo atrás eu li na Folha de S. Paulo um artigo (infelizmente não me lembro de quem) sobre um teste de DNA muito mais rápido que o convencional (a coleta pode ser feita em casa e o resultado sai em 20 dias) que está começando a ser utilizado nos EUA. As constatações já estão sendo surpreendentes: metade das famílias cuja paternidade foi testada tiveram uma notícia ruim. O autor do artigo menciona que os filósofos da Antiguidade acreditavam que apenas a verdade poderia levar à felicidade — porém questiona se, para essas famílias cujos pais descobriram que não eram pais de fato, a felicidade teria sido alcançada uma vez que a verdade veio à tona. Talvez haja felicidade a longo prazo, mas a curto prazo certamente que não.

Se Bentinho tivesse certeza absoluta da traição (caso ele tivesse descoberto ou se Capitu ou Escobar tivessem confessado a ele) será que ele teria se tornado o senhor “casmurro” do livro? Se minha ex tivesse admitido a traição será que eu me sentiria melhor agora?

Explore posts in the same categories: Pensamentos

2 Comentários em “Dom Casmurro e a felicidade”

  1. Manu Says:

    Eu prefiro ouvir a verdade e tirar a duvida… porque a dúvida conseguimos “remoer”, e a certeza, a unica coisa que temos a fazer é aceitar. E quando tudo já está aceito, mais fácil deixar pra trás. Muita gente discorda, diz que não faz diferença, é uma verdade que vai servir só pra azedar ocurto momento que é dita e provavelmente alguns momentinhos que se seguem, mas nada pode fazer sobre o que já foi feito. Não sei. Eu já fui traída “das duas maneiras”: aquela que eu soube exatamente o que houve, quando, quem e etc. e aquela que eu suspeito…. e continuarei suspeitando pro resto da vida. A diferença entre as duas formas? Sinceramente, não vejo muita hoje em dia (tendo ou não certeza). Na época serviu pra seguir em frente logo… enquanto que no caso da dúvida, eu demorei um pouco mais… Lógico que haviam outras variáveis, mas… essa era uma delas. Confuso, né? Não tem como ser mto prático nesses assuntos.

    • autoajudasentimental Says:

      Pois é, eu gostaria de ter ouvido a verdade tb, justamente pra não ficar remoendo! Mas enfim… não ouvi e agora tudo o q tenho a fazer é esperar pelo dia em q isso não vai mais me incomodar, ehhehehe…


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: